fbpx
Quanto rendem os fundos de crédito privado?

Compartilhe este post

Fundos de crédito privado: quanto estão rendendo?

Os fundos de crédito privado registraram retornos um pouco maiores que os fundos DI em janelas de seis, 12, 18 e 24 meses. É o que mostrou um estudo da Quantum, publicado pelo portal InvestNews. 

O levantamento pesquisou os fundos DI com maiores participações de títulos públicos nas estratégias, e os fundos de crédito privado com mais de 50% das carteiras em títulos privados. Os retornos médios referem-se aos fundos em funcionamento no mercado. 

A partir desses dados, na matéria do InvestNews, analistas discutiram os riscos envolvidos nos ativos de renda fixa privados. 

O que são fundos de crédito privado? 

São uma categoria de fundos de investimento que alocam a maior parte de seus recursos em títulos de dívida emitidos por empresas privadas. Esses títulos podem incluir debêntures, Certificados de Recebíveis Imobiliários (CRIs), Certificados de Recebíveis do Agronegócio (CRAs), entre outros instrumentos de crédito privado. 

O que são fundos DI? 

Os Fundos DI (Depósito Interfinanceiro) são fundos de investimento de renda fixa que têm como principal característica a aplicação em ativos atrelados a indexadores como CDI ou Selic. 

Fundos de crédito privado tiveram maiores retornos, mas também apresentam mais risco 

O levantamento da Quantum constatou que os fundos de crédito privado tiveram maiores retornos em todas as janelas de tempo pesquisadas, mas com diferenças pequenas. 

Na janela de 24 meses, a diferença entre os produtos de renda fixa foi menor quando comparado aos demais períodos, em especial, os de curtíssimo prazo. 

Categoria Retorno 6 Meses Retorno 12 Meses Retorno 18 Meses Retorno 24 Meses 
Fundos DI 6,49% 13,13% 20,17% 25,35% 
Fundos de Crédito Privado 7,56% 14,33% 20,95% 25,97% 

Para a analista de renda fixa da Nord Research, Marília Fontes, ouvida pela reportagem do InvestNews, uma diferença tão pequena pode não compensar o risco. 

Os fundos DI investem em títulos caracterizados pela segurança dos emissores. Por outro lado, fundos de crédito privado que mantinham exposição em Americanas e Light, por exemplo, foram impactados após as empresas entrarem em recuperação judicial. 

CONFIRA AGORA A REPORTAGEM COMPLETA:

Matéria: Fundos de crédito privado rendem pouco mais que DI; veja se risco compensa 

Autor: Janaína Ribeiro 

Por: InvestNews – Publicado em 16/11/2023 

Informações Financeiras: Quantum Finance 

Compartilhe este post

Menu