fbpx

FIIs vão se beneficiar da queda da Selic?

FIIs vão se beneficiar da queda da Selic?

Compartilhe este post

FIIs vão se beneficiar da queda da Selic?

As duas últimas reuniões do Copom resultaram em cortes na taxa Selic, que agora está fixada em 12,75%. Com a perspectiva de novas quedas, o mercado já está de olho nos ativos que podem se beneficiar, entre os quais os fundos imobiliários (FIIs). 

De acordo com um levantamento da Quantum para o portal Fiis.com.br, um fundo de tijolo acumulava mais de 26% de retorno no período entre a primeira queda da Selic, em agosto, e o mês de outubro. 

Segundo a reportagem do Fiis.com.br, o movimento de queda das taxas de juros deve incentivar o mercado a olhar com bons olhos os investimentos em renda variável, e os FIIs tendem a se beneficiar. 

Desempenho dos FIIs com as quedas nas taxas de juros 

Em entrevista à reportagem, Fernando Gadelha, diretor de FIIs de ativos financeiros da HSI, analisa o cenário para os fundos de papel: 

“Na medida em que os retornos obtidos nesta classe de investimento voltam a se tornar atrativos para os investidores, quando comparado aos títulos públicos, isto deve favorecer e incrementar novas emissões de FIIs nos próximos meses, mais especificamente nos fundos de recebíveis” 

Por sua vez, os fundos de tijolo também podem se beneficiar de um cenário de juros baixos se for acompanhado de crescimento do PIB, inflação controlada e melhora na expectativa de consumo, que favorecem que empresas invistam em novos espaços físicos. 

Top 20 FIIs com maiores retornos desde a primeira queda da Selic 

O estudo da Quantum, publicado pelo portal Fiis.com.br, avaliou os retornos totais dos fundos imobiliários que compõem a carteira do IFIX entre 02/08 e 17/10. 

O retorno total considera o preço de fechamento ajustado pelos proventos. 

Veja o top 20: 

TOP 20  MAIORES RETORNOS POSITIVOS ENTRE AGOSTO E OUTUBRO – FIIs: PAPEL, TIJOLO E MULTICLASSE 
Nome do Ativo Ticker Classificação Setorial – Classe de Ativo Classificação Setorial – Tipo de Imóvel Retorno 
HOTEL MAXINVEST FII  HTMX11 Imóvel Hotel 26,06% 
BTG PACTUAL CRÉDITO IMOBILIÁRIO FII  BTCI11 Renda Fixa Não se Aplica 8,58% 
CYRELA CRÉDITO FII  CYCR11 Renda Fixa Não se Aplica 8,33% 
XP INDUSTRIAL FII  XPIN11 Imóvel Logística 8,12% 
XP CRÉDITO IMOBILIÁRIO FII  XPCI11 Renda Fixa Não se Aplica 7,19% 
RIZA TERRAX FII  RZTR11 Imóvel Rural 7,05% 
KINEA HIGH YIELD CRI FII  KNHY11 Renda Fixa Não se Aplica 6,65% 
BRESCO LOGÍSTICA FII  BRCO11 Imóvel Logística 6,54% 
KINEA RENDIMENTOS IMOBILIÁRIOS FII  KNCR11 Renda Fixa Não se Aplica 6,46% 
VALORA CRI CDI FII  VGIR11 Renda Fixa Não se Aplica 6,46% 
VBI PRIME PROPERTIES FII  PVBI11 Imóvel Lajes Corporativas 6,25% 
XP MALLS FII  XPML11 Imóvel Shopping 6,06% 
MAXI RENDA FII  MXRF11 Multiclasse Híbrido 5,58% 
HEDGE BRASIL SHOPPING FII  HGBS11 Imóvel Shopping 5,55% 
MAUÁ CAPITAL RECEBÍVEIS IMOBILIÁRIOS FII  MCCI11 Renda Fixa Não se Aplica 5,13% 
TELLUS PROPERTIES FII  TEPP11 Imóvel Lajes Corporativas 4,23% 
POLO CRÉDITO IMOBILIÁRIO FII  PORD11 Renda Fixa Não se Aplica 4,00% 
VALORA CRI ÍNDICE DE PREÇO FII  VGIP11 Renda Fixa Não se Aplica 3,83% 
RIZA AKIN FII  RZAK11 Renda Fixa Não se Aplica 3,78% 
PLURAL RECEBÍVEIS IMOBILIÁRIOS FII  PLCR11 Renda Fixa Não se Aplica 3,71% 

CONFIRA A REPORTAGEM COMPLETA:  

Matéria:Fundos de papel: perspectiva de queda da Selic é oportunidade para investimento? 

Autor: Vanessa Loiola 

Por:fiis.com.br – Publicado em 23/10/2023 

Informações Financeiras:Quantum Finance

Compartilhe este post

Menu